19 agosto 2016

Mais de 500 pessoas escapam de navio em chamas no Caribe


1471538476356-navio-em-chamas

Mais de 500 passageiros e membros da tripulação do cruzeiro Caribbean Fantasy precisaram ser resgatados na quarta-feira, após o navio pegar fogo próximo à costa norte de Porto Rico. A Guarda Costeira dos Estados Unidos conseguiu evacuar a embarcação e salvar os passageiros em botes antes que o fogo se espalhasse.
O incêndio iniciou na sala de máquinas e chegou a outras partes do navio, mas, por sorte, o cruzeiro estava a pouco mais de 1,6 km da costa e foi rapidamente atendido pelos serviços de emergência. Dezenas de crianças e adolescentes estavam a bordo do Caribbean Fantasy, que fazia o trajeto entre a República Dominica Porto Rico, pois iam participar competições esportivas em San Juan.
“Parecia um filme”, disse a passageira dominicana Maria Prensa ao jornal The Guardian. “Você entra em pânico quando isso acontece. Imagine estar no meio do oceano e de repente ver fogo”, comentou. Prensa afirmou ter sentido cheiro de fumaça antes de o alarme de emergência tocar, mas foi avisada pela equipe do navio que “tudo estava sob controle”. De acordo com o mecânico Marlon Doblado, a tripulação tentou controlar o fogo por mais de duas horas antes de perceber a magnitude do incêndio.
Segundo o The Guardian, 105 passageiros receberam tratamento e foram liberadas após o resgate, a maioria em decorrência de desidratação. Outras 24 pessoas foram hospitalizadas, principalmente por se ferirem quando desciam pelos escorregadores de emergência até os botes.


Veja

TSE lança aplicativo para que eleitor faça denúncias





Pardal vai permitir que cidadãos
façam denúncias sobre irregularidades
cometidas por candidatos e por partidos
José Cruz/Agência Brasil

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes, participou nesta quinta-feira (18) do lançamento de um aplicativo que vai permitir que cidadãos façam denúncias sobre irregularidades cometidas tanto por candidatos como por partidos durante as campanhas eleitorais.


Chamado de Pardal, o aplicativo foi desenvolvido pelo Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE-ES) com a colaboração do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) em 2012 e agora poderá ser usado nacionalmente.


Para o ministro, o aplicativo vai ajudar a Justiça Eleitoral a identificar as irregularidades que forem percebidas pela população e fazer com que as pessoas se informem sobre as regras válidas para as campanhas. “Certamente vai contribuir para que o cidadão se informe sobre como deve ser de forma regular a campanha e também, naqueles casos em que ele perceber ou se indignar com algum tipo de abuso, usar esse software, mandar informação que chegará ao Ministério Público e este fará a devida avaliação, inclusive para tomar as providências judiciais que devem ser requeridas”, disse.


De acordo com o ministro, entre as denúncias que podem ser feitas estão as sobre propagandas irregulares. “Em geral, abuso de poder econômico manifestado nas propagandas irregulares, certamente isso pode subsidiar depois questões que vem ao tribunal como ação de impugnação de mandato eletivo ou mesmo ações de investigações judiciais. Podemos ter fenômenos de compra de voto de alguma forma, portanto tudo isso pode ser detectado por esse tipo de constatação”, disse o ministro.


Outros aplicativos


Além do Pardal, o TSE está disponibilizando outros aplicativos que podem ser baixados pela população. Um deles é o Candidaturas 2016. Com este aplicativo o eleitor terá informações dos candidatos que vão concorrer às eleições deste ano. Estarão disponíveis, por exemplo, dados pessoais e informações sobre a prestação de contas dos candidatos.
Outro aplicativo que já está disponível, segundo o TSE, é o Agenda JE que traz o calendário eleitoral e o JE Processos, que vai permitir que o eleitor acompanhe o trâmite de processos. De acordo com o tribunal, ao todo serão lançados 11 aplicativos relacionados às eleições deste ano.


Edição: Fábio Massalli

No Arcoverde, Fernando Aragão (PTB), destaca o tema “Corrupção”


 


Juntos, Fernando Aragão e Cleiton Barboza, homenagearam José Augusto Maia, agora ficha limpa, segundo TCE.
Em noite de muita alegria, o palanque da caravana de Fernando Aragão, mais uma vez contou com a presença maciça dos candidatos a vereador das coligações de apoio ao seu nome a Prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, desta vez no bairro Arcoverde.
O destaque dessa noite foi a presença especial do ex-prefeito e ex-deputado José Augusto Maia, agora ficha limpa, segundo o TCE.
Em quase todos os discursos proferidos, os temas “mãos limpas” e “corrupção” foram destaque nas falas dos vereadores, convidados e das perguntas feitas por populares.
José Augusto, ladeado por seus filhos, Tallys Maia advogado e Augusto Maia candidato a vereador, recebeu homenagem dos candidatos da majoritária Fernando e Cleiton.
Com um público expressivo, Fernando Aragão aproveitou para fazer o convite a todos, para estarem presentes na primeira mala da coligação, a qual será realizada, nesta sexta-feira (19), no bairro do São Miguel.


Da Assessoria

16 agosto 2016

COMEÇO DA CAMPANHA COM MUITA BAGUNÇA E PERTUBAÇÃO



A partir de hoje (16) começa oficialmente a campanha eleitoral, mas existem várias regras que devem ser observadas.

Uma delas é quanto ao uso de equipamentos sonoros. No site do TSE consta sobre esse assunto:
O uso de alto-falantes ou amplificadores de som em veículos e sedes de partidos ou coligações é liberado das 8 horas às 22 horas. A circulação de carros de som e minitrios, como meio de propaganda eleitoral, devem observar o limite de 80 decibéis de nível de pressão sonora.
Muita gente reclamando, inclusive foi matéria das rádios locais, do barulho provocado em plena madrugada pelas ruas de Santa Cruz do Capibaribe. Muita bagunça, algazara e barrulho, sem fala a suguera que deixaram nas rua.
 Veja dideos e fotos feitos por populares:








12 agosto 2016

NOTA! VEREADORES UNIDOS POR SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE

Prezados Senhores,

Vimos noticiar acontecimentos antidemocráticos e ditatoriais ocorrido na última

sexta feira, dia 05 de agosto 2016, onde, no exercício do livre direito à

manifestação, consagrado por nossa constituição federal, vereadores do município

de Santa Cruz do Capibaribe fizeram noticiar a marca de 01 (um) ano em que o

prefeito Edson Vieira está com seus bens bloqueados pela Justiça Estadual, por

força de um pedido do Ministério Público do Estado, em ação civil pública por

improbidade administrativa, no caso que ficou conhecido como escândalo das

locações, envolvendo a empresa KMC, acontecimento amplamente divulgado pela

imprensa estadual. Pois bem, a Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, resolveu de

forma “emergencial e inusitada” proceder com uma blitz, onde perseguiram carros

de som e bicicletas de som, instrumentos de trabalho ao qual autônomos fazem

publicidade como forma de trabalharem para o sustento de suas famílias, e que

naquele momento divulgavam um áudio noticiando para a população a infeliz data,

onde, pela primeira vez na história de Santa Cruz do Capibaribe, tivemos um gestor

público com bens bloqueados pela justiça, daí decorre a absurda atitude da

prefeitura e seus departamentos administrativos, que, dignos da época da

mordaça, atentaram contra nossa Carta Constitucional, contrariando direitos

fundamentais atinentes à liberdade de expressão e à informação, livre e plural,

tentando silenciar esses meios de comunicação, absurdo!

Liberdade, palavra que alimenta a vontade de todo e qualquer ser humano que

entenda a riqueza do termo, nenhuma pessoa que tenha isso limitado vive bem,

ninguém que tenha o mínimo de discernimento abandonaria o direito de tê-la.

Porém em Santa Cruz do Capibaribe parece que o conceito não é entendido, seria

correto, nobres que leem esta missiva, que um povo se cale frente aos erros

causados por aquele que deveria ser o exemplo? Seria correto calar a voz de um

povo que trabalha e que com seu suor faz dessa cidade um verdadeiro gigante da

economia brasileira?

Pois foi isso que aconteceu em nossa cidade como aqui já relatado, o prefeito e seus

asseclas entenderam que poderiam calar a opinião popular, com uso da máquina

pública executou abordagens e permitiu uma série de impropérios que estão muito

longe do conceito de democracia. Observem senhores e senhoras se é comum

parar carros de som e cobrar a documentação do mesmo no dia a dia, e pasmem,

parar bicicletas de som para pedir o seu alvará de funcionamento, sem qualquer

aviso prévio, notificação e que, pasmem, nunca foi cobrado? Os senhores e

senhoras que tem o poder frente à ordem e bons costumes desta cidade não podem

deixar isso passar despercebido, em relação à liberdade de escolha de um povo que

trabalha, sofre e é feliz por não ter nada que macule a sua imagem, isto é, não tem

bens bloqueados, tem o bem a fazer por Santa Cruz do Capibaribe. Esperamos o

vosso apoio, não nos abandone!

Essa é uma carta aberta de repúdio, pela afronta à liberdade de expressão pública

do direito democrático.

Vereadores Unidos por

Santa Cruz do Capibaribe.

04 agosto 2016

Japão ilumina prédio mais alto do país com cores da bandeira do Brasil





skytree-310x245

A partir desta quinta-feira (4), o Skytree, o edifício mais alto do Japão e localizado em Tóquio, se ilumina com as cores da bandeira do Brasil para comemorar os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.
Até 21 de agosto, o Skytree terá uma iluminação especial e a cada meia hora vai alterar as cores das bandeiras brasileira e japonesa, do fim da tarde até à meia-noite. A torre de 634 metros de altura é um dos símbolos da capital japonesa, que será a sede dos Jogos em 2020.
O prédio terá uma iluminação distinta também quando os atletas japoneses ganharem alguma medalha de ouro.
Também está prevista a instalação de telas gigantes em alguns lugares públicos mais movimentados de Tóquio, como o icônico cruzamento de Shibuya, para acompanhar ao vivo as provas da Rio 2016.
Tóquio receberá o bastão dos Jogos Olímpicos das mãos do prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, na cerimônia de encerramento, no dia 21 de agosto, no estádio do Maracanã.
O evento contará com a presença da recém-eleita governadora de Tóquio, Yuriko Koike, e do primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe.
G1

Depois de muita espera, jogo Pokémon Go finalmente é lançado no Brasil




Depois de muita espera dos fãs e reclamações até de jogadores olímpicos, o jogo Pokémon Go finalmente foi lançado no Brasil, nesta quarta-feira (3). O País ficou mais de um mês na expectativa do lançamento, que já havia ocorrido em outras localidades do mundo.

O game pode ser baixado nas lojas virtuais para aplicativos de Android e IOS. Há relatos de congestionamento e pessoas com dificuldades de baixar o jogo.

O jogo utiliza tecnologia de realidade aumentada, na qual os jogadores têm que caçar Pokémons projetados na tela dos celulares sobre imagens reais captadas pela câmera dos aparelhos.

portal correio